A história por trás de fotos chocantes

As fotografias contam um pouco de nossa história, mostrando lugares, acontecimentos e diversas coisas que jamais poderíamos ver sem elas. Mas algumas dessas obras trazem um lado obscuro e sinistro do mundo:




A cabeça japonesa

french-soilders-world-war-2

Guadalcanal foi uma das batalhas mais brutais de toda a Segunda Guerra Mundial. Lá ocorreu a primeira grande investida dos aliados contra o Império Japonês em 1942. A luta por essa Ilha e as outras em volta foi sangrenta, durando quase um ano, tanto em terra quanto em mar.

Os aliados sofreram muito, principalmente pelo fato do local ser uma mata fechada impenetrável, fazendo com que qualquer avanço fosse lento e maçante. Para deixar a situação ainda pior, haviam tantos mosquitos, que os soldados eram devorados vivos. Alguns insetos entravam em baixo da pele. Para solucionar isso, a vítima bebia até cair e tinha a pele cortada a faca.

A situação terrível fez com que os ânimos ficassem ainda mais exaltados e as batalhas já sangrentas tornaram-se matadouros humanos sem limites. Foram essas lutas sem regras que geraram essa imagem:

01_00028404

A cabeça japonesa é uma fotografia assustadora, e mostra exatamente o que aconteceu naquela ilha durante as batalhas. Nela, o soldado japonês com o corpo mutilado e queimado, grita pela eternidade, com sua cabeça empalada em um tanque do seu país.




Erro sincero

Headlights In The Dark

Durante muitos anos, os americanos lutaram uma guerra no Iraque, tentando exterminar os terroristas locais. Isso gerou revolta, tanto dos verdadeiros inimigos, quanto do povo. Em muitos casos, as batalhas nas montanhas entraram nas cidades e antes que um governo local pudesse se estabelecer, os soldados americanos fizeram o papel de polícia.

Em uma patrulha a noite, logo após um longo conflito na cidade, alguns soldados americanos andavam no veículo quando avistaram um carro vindo na direção oposta. Com a tensão no ar, eles deram tiros de aviso para cima, tentando fazer o carro parar, mas por algum motivo isso não aconteceu. Ao contrário do esperado, veículo acelerou em direção aos soldados e sem outra escolha, temendo um ataque terrorista como muitos outros que ocorrem por lá nessa época, os soldados abriram fogo.

Após alguns momentos, o silêncio tomou a rua e algo pior do que o som de tiros tomou conta do ar. Lá de dentro do veículo fuzilado vinha o choro de uma criança…

Rapidamente, os soldados foram até o veículo, apenas para descobrir uma cruel verdade. Aquele carro era de uma família e dentro estavam uma mãe, um pai e seus filhos. Todos morreram levando dezenas de tiros, apenas uma das crianças sobreviveu:

PHOTO-2-popup




Agent Orange

retro-agent-orange-videoSixteenByNine1050

A guerra do Vietnã foi um dos momentos mais negros e desleais da história. O EUA, com todo seu poderio militar, estava invadindo um país que mal tinha o que comer. Essa desigualdade de forças fez com que o conflito se tornasse dramático, pois o desespero de um inimigo derrotado pelo medo fez com que muitas coisas estranhas acontecessem.

E apesar de todas as apostas estarem com os americanos, os vietnamitas conseguiram, com técnicas inteligentes e devoção sem fim, derrotar toda a sabedoria militar dos invasores. Isso fez com que os EUA apelassem para as mais desleais técnicas de guerra: ataque químico.

Uma das armas americanas nessa guerra de terror, foi a utilização de um veneno chamado Agent Orange. A ideia dessa substância era desmatar a floresta, matando plantas, e também deixar as pessoas do Vietnam sem ter o que comer.

Porém essa substância tinha um efeito colateral perverso. O veneno também ataca pessoas e, o pior, ele é capaz de destroçar crianças dentro da barriga da mãe. Isso gera os mais diversos problemas de saúde, que vão desde dedos faltando, até demência, hérnias e mutilações extremas.

O pior é que até hoje esse veneno ainda afeta as pessoas e o meio ambiente. Acredita-se que 4 milhões de vietnamitas tenham sofrido os males desse ataque e milhares de crianças tenham morrido antes de nascer ou recém nascidas. O governo americano jamais assumiu a culpa e as mutilações continuam, como mostra a foto abaixo, de 2006.

20140718103403-1

Reaja! Comente!
  1. Mateus Souza

    16 de abril de 2015 em 14:58

    Queria tanto ler a matéria, e saber que na guerra dos EUA e o Iraque, um carro americano viu outro e atirou para cima avisando, e o carro acelerou e os caras americanos atiraram, matando todos exceto uma criança, e que era uma família dentro, e várias outras coisas que eu poderia ter lido se não tivesse 18 anos… Todos menores de 18 anos aqui leram! Isso não funciona mais.

  2. Crow666

    22 de outubro de 2014 em 21:39

    EUA Arrogancia deste o começo quando aniquilou os índios deste criança a velho e ate hoje continua invadindo países e matando

  3. Heisenberg

    15 de outubro de 2014 em 21:31

    Bem que poderia ter uma série assim.

  4. VanDrak SubZero

    14 de outubro de 2014 em 11:58

    Incrivel como essa merda de Governo Americano se acha donos do mundo ¬¬
    tudo causado por eles… não tem pena de matar seu próprio povo para terem o que querem.

  5. Guilherme

    12 de outubro de 2014 em 00:42

    Tenso…. e infelizmente trágico

  6. Willamys Silva

    11 de outubro de 2014 em 11:32

    O sonho americano!

  7. Vinicius de Oliveira

    10 de outubro de 2014 em 22:53

    na guerra do vietna os usa queriam lutar para aquele pedaço inutil e rural não fosse comunista que diferença ia acontecer se fosse comunista ainda bem que o vietna ganhou a guerra

  8. Greg

    10 de outubro de 2014 em 19:25

    Guerra é triste demais… pessoas inocentes [morrem…é terrivel….

  9. Felipe Bleichvel

    10 de outubro de 2014 em 14:16

    aa.. queria tanto ler a matéria… mas n tenho 18 anos…
    fica pra próxima 🙁

  10. Icaro

    10 de outubro de 2014 em 14:01

    Usa é lecau !!!
    rsrs

  11. Jacson Cabral Cordeiro

    10 de outubro de 2014 em 10:13

    cliquei não like porque é um fato repobro por qualquer motivo que seja e fiquei um pouco mais perverso só por ter lido essa materia exelente pois agente ve isso e vai achando cada vez mais normal, pois a vontade seria acabar com isso mas pelo fato de não poder vai se normalizando assim como muitos absurdos que o mundo vem tendo por normal e na internet se ve muitos, como por ex: meninas vendendo sua virgendade e por cima de tudo o mundo todo sabendo e logico que é impossivel os pais não saber e etc mas estamos num pais laico e tudo vale e é normal

    • Felipe Bleichvel

      10 de outubro de 2014 em 14:18

      n entendi nada..
      ajeita a concordância das frases aí… flw

  12. Vinicius de Oliveira

    9 de outubro de 2014 em 23:09

    os usa ja invadiram mais de 150 paises devia ter uma guerra entre todos os paises vs estados unidos

    • ultramen Tiga

      10 de outubro de 2014 em 00:37

      eu não acho que uma vingança, justifique a morte de vários seres humanos.
      poxa além disso você fala “invadir” faz parecer que os Eua é uma entidade com gostos,jeitos,prefências etc
      mas ele é apenas um país que reflete a política do seu representante, não é como se o ronald reagam ainda estivesse vivo .-.
      cada presidente teve suas opniões sobre a guerra alguns por dinheiro, outros recursos,poder,
      vingança,medo.etc
      mas você não pode simplesmente achar que cada indivíduo do país é responsável pelas ações de seus descendentes.

      • Adriano Saadeh

        13 de outubro de 2014 em 11:31

        exato cara

    • Frank the Rabbit

      10 de outubro de 2014 em 00:27

      O negócio é se aliar aos EUA, só fico do lado que ganha, já to quase me naturalizando Americano pro caso de ter uma Terceira Guerra <3

    • Vinicius Passos

      9 de outubro de 2014 em 23:22

      hehehe só quero imaginar o dia q declararem guerra aos EUA, seria a decisão mais corajosa e insensata já feita.

    • Raul Seixas

      9 de outubro de 2014 em 23:16

      Que que iria adiantar? mais mortes por motivos quase sempre fúteis,alem do que iria ser muito dinheiro desperdiçado,é impossivel isso ocorrer.

  13. Rowling

    9 de outubro de 2014 em 23:07

    :/

  14. Vinicius Passos

    9 de outubro de 2014 em 22:54

    A foto 2, da menina, é assustadora.

    • Felipe Bleichvel

      10 de outubro de 2014 em 14:11

      imagine os soldados vendo isso ao vivo então…

  15. Luís Felipe

    9 de outubro de 2014 em 22:52

    Sempre os EUA. Eles são os valentões do mundo.

    • Frank the Rabbit

      10 de outubro de 2014 em 00:26

      Quando se tem poder, o único jeito de não perder esse poder é impondo o poder. PODER É QUERER E PODER!!!

      • Terrorista

        10 de outubro de 2014 em 04:18

        Pensamento fascista.

  16. Terrorista

    9 de outubro de 2014 em 22:47

    [img]http://i.imgur.com/8eOrp2x.png[/img]

    • Felipe Bleichvel

      10 de outubro de 2014 em 14:19

      nergal, vc é o satirista?
      to com essa impressão faz tempo.. mas sempre me esqueço de perguntar

      • Emmanov Kozövisck

        10 de outubro de 2014 em 20:18

        Nergal=Satirista.

    • Frank the Rabbit

      10 de outubro de 2014 em 00:26

      Quem é esse, o Beiçola?

  17. Jeff Dantas

    9 de outubro de 2014 em 22:41

    Por essas e outras, que eu nunca gostei dos Estados Unidos! Sabe, é muita arrogância, muita pretensão.. Parece até, que são os “donos do mundo”. Ou pior, que não aprenderam nada com o 11 de setembro…http://luadesangue.com/wp-content/uploads/2014/10/Headlights-In-The-Dark.jpg

    • Adriano Saadeh

      13 de outubro de 2014 em 11:30

      Claro que não podemos generalizar, apesar de toda a prepotência norte-americana são os líderes que toma as decisões

    • Felipe Bleichvel

      10 de outubro de 2014 em 14:05

      a prepotência dos EUA, é uma consequência duma sociedade, onde o valor das pessoas é definido pelo seu dinheiro, e sua importância, pelo salário q ganham; esse é um dos núcleos do sistema capitalista (n q eu apoie o socialismo, já q ele é um atentado a democracia..). Então, quando digo “consequência”, é porque não é os EUA q o problema… na verdade, qualquer outro país, quando se torna uma potência mundial num sistema capitalista, acaba adquirindo essa arrogância. O Brasil, Chile, Inglaterra… qualquer um, se fosse intitulado o mais rico (e importante) se acharia no direito de se sentir “soberbo” em relação aos outros, contaminando sua população com isso também. Se fosse os brasileiros os + ricos… tenho certeza q iriamos fazer até pior.
      mas mesmo assim… se os EUA invadisse o Brasil e tomasse a amazônia como seu território (como dizia alguns boatos, tempo atrás),
      a primeira coisa q eu faria, seria me mudar para a amazônia.
      pq… morar nos EUA tem suas vantagens.

    • Frank the Rabbit

      10 de outubro de 2014 em 00:24

      Quanto a esse episódio do carro acho que os soldados não tiveram culpa… eu atiraria também, um carro na contramão, não ouviu os tiros de aviso e acelerou. Eu atiraria neles…

      • ultramen Tiga

        10 de outubro de 2014 em 00:42

        éh cara era uma família, mas tipo os dois lados estavam assustados e ambos agiram no medo
        para se proteger um acelerou e o outro atirou, sei lá acho que a dor que os soldados sentiram por matar inocentes deve ter sido pior que levar um tiro.

    • Raul Seixas

      9 de outubro de 2014 em 23:12

      Jeff,você realmente acha que o 11 de setembro não passou de uma armação/desculpa para os EUA atacarem aquele povo?(acho que são os muçulmanos,não me lembro o nome)

      • Vinicius de Oliveira

        10 de outubro de 2014 em 22:48

        cala boca foi um ataque terrorista qual é a prova de que foi planejado

    • Terrorista

      9 de outubro de 2014 em 22:48

      Verdade. Eles acham que são a polícia do mundo.

    • Yago (Pão)

      9 de outubro de 2014 em 22:46

      Eles estão pedindo por uma 3 guerra mundial, só isso.

38 Comentários
Topo