Casos reais de possessão demoníaca #3

O exorcismo é uma prática usada para a expulsão de uma entidade maligna. Dependendo da crença das pessoas afetadas, as entidades podem se manifestar de várias maneiras diferentes.

Ao longo da história, existiram inúmeros casos de possessões demoníacas ao redor do mundo, alguns até mesmo servindo de modelo para realização de vários filmes.

Neste post, apresentaremos para vocês casos reais de possessões demoníacas que ocorreram ao redor do mundo.
Boa leitura!




Julia

Embora não se saiba muito sobre este caso, sabemos que ele foi documentado pelo Dr. Richard E. Gallagher em 2008. Este psiquiatra e Professor associado com o Medical College de Nova York, disse ter tratado uma paciente com vários demônios dentro de seu corpo, que chamava-se Julia. Podemos dizer que médicos ou psiquiatras geralmente consideram estes casos como fraudes ou transtornos mentais. Gallagher reconheceu que Julia chegou a levitar em frente a sua mesa, falar línguas estrangeiras e tinha sinais de clarividência. Até agora, não se sabe o que aconteceu com a Julia.

Julia




George Luckins

Este caso é um dos mais documentados, aconteceu em 1778. Luckins costumava falar línguas desconhecidas e tinha grande sensibilidade em lugares santos. Ele foi enviado para um hospital, permaneceu lá por 20 meses mas todo o hospital temia seus ataques violentos e atos demoníacos. Por esta razão, a Igreja decidiu levar George para um lugar isolado, um templo onde ele alegou ter expulsado seus demônios. No entanto, não se sabe nada mais de George.

Luckins




Anna Ecklund

Esta devota católica começou a mostrar sinais de possessão aos 14 anos. Ela começou a tornar-se sensível a objetos religiosos, fazer obscenidades sexuais e falar línguas que anteriormente não sabia. Em 1912, os sacerdotes expulsaram os demônios do corpo de Anna. Mais tarde, os demônios voltaram a invadir o corpo de Anna. Os sacerdotes levaram Anna para um convento reformado quando ela estava quase sem vida. No final, eles conseguiram expulsar todos os demônios de seu corpo. Pouco tempo depois foi descoberto que os culpados eram seu pai e sua tia, que realizavam rituais satânicos e amaldiçoados em Ecklund.

Ecklund




Marta

Este é um dos mais famosos casos de possessão da Espanha. O processo durou de 2002 a 2008 e foi dirigido pelo Padre Antonio Fortea. Marta, que pertencia a uma seita satânica recebeu uma série de maldições da mesma. Após anos de luta, o padre Fortea conseguiu libertar Marta de todos os seus males, deixando como prova os inúmeros vídeos que pode ser encontrado na internet que incluem as sessões de exorcismo que ele fez.

Marta

Gostou do post? Não se esqueça de curtir e compartilhar nas redes sociais, curta também a página do Minilua no Facebook clicando aqui e participe também do nosso grupo no facebook clicando aqui.

Reaja! Comente!
  1. Guilherme

    17 de janeiro de 2016 em 13:50

    Tenso, macabro

  2. Jubs

    10 de janeiro de 2016 em 17:51

    E ai a pessoa abre o post e começa uma musica super creepy.

    Pq cê faz isso Minilua?

  3. Saulo Moraes

    10 de janeiro de 2016 em 00:54

    HOJE EU VEJO ESSAS HISTÓRIAS

    *abre a página, música começa*

    [img]http://melaniemiller.net.au/wp-content/uploads/2013/06/d193a08b.gif[/img]

    • Willyam Ricardo

      10 de janeiro de 2016 em 01:50

      kkkk que merda véi

  4. Lynn Rock

    8 de janeiro de 2016 em 02:25

    Essa música em conjunto com a leitura e as fotos, dessa vez sim, deu um friozinho na espinha.

    • Willyam Ricardo

      8 de janeiro de 2016 em 11:31

      Eu desligo logo kkkkk

  5. André Silva

    8 de janeiro de 2016 em 01:52

    O que mais me convenceu foi o caso da Julia. Engraçado que no texto fala que o caso do George é um dos mais documentados, mas deu um resumo do resumo do resumo do resumo do caso e terminou falando que não se sabe mais nada de George.

    • Willyam Ricardo

      8 de janeiro de 2016 em 11:34

      Tbm véi , é sempre bom ver/ouvir relatos sobrenaturais de pessoas de cargos semelhantes. É mais interessante e mais convincente (não que os demais relatos sejam frutos de uma invenção ) .

  6. Gabriel Frigini

    8 de janeiro de 2016 em 01:49

    se é loko!

  7. Willyam Ricardo

    7 de janeiro de 2016 em 22:51

    Deus existe mesmo.

    • André Silva

      8 de janeiro de 2016 em 01:53

      Pode crê, mano!

    • chapolim do mal

      8 de janeiro de 2016 em 01:45

      Claro, ele é um carinha legal que mora no céu e tem uma barba branca grande e vive em cima de uma nuvem com o bro dele são Pedro.

      • Willyam Ricardo

        8 de janeiro de 2016 em 11:30

        e ainda por cima o viu , você é incrível véi , o que você esta fazendo aq ?

        • Nathan Drake

          9 de janeiro de 2016 em 11:59

          só falta vc dizer que acredita que pessoa possuida pode levitar kkkkkkk

      • Willyam Ricardo

        8 de janeiro de 2016 em 11:29

        É chapolim , pelo menos você acredita .

        • Guilherme Gonçalves da Silva

          11 de janeiro de 2016 em 22:35

          Se você acredita que tudo que passa a existir possui uma causa, o que causou a existência de deus? Hein? Sua lógica só serve com o universo ou qualquer outra coisa?

          • Willyam Ricardo

            12 de janeiro de 2016 em 00:38

            Deus é um ser ”atemporal ” , além do espaço e do tempo , não é regido pelas nossas leis e muitos menos pelas nossas idéias. É um ser necessário em sua existência, Ele não possui começo ( a bíblia diz :Eu sou o Alfa e o Omega , o principio e o fim ) . Ele é a causa não causada . Não se cria o infinito ,ele simplesmente existe .

      • Mr. Mouse

        8 de janeiro de 2016 em 08:51

        Que desnecessário,vc devia respeitar a crença dos outros

        • chapolim do mal

          8 de janeiro de 2016 em 22:11

          Eu não desrespeitei, eu apenas ironizei o modo que os religiosos veem deus, ele não seria algo tangível ou se importaria minimamente com os seres humanos, vcs tem que pensar em deus como o acaso, o universo, algo impessoal a qualquer um e não esse deus que ama ou pune, é um conceito velho.

          • Willyam Ricardo

            9 de janeiro de 2016 em 01:19

            Pelo que eu sei meu caro ,qualquer coisa que passa a existir possui uma causa e o universo passou a existir (De acordo com os cientistas ,a 13 bilhões de anos atras) logo o mesmo possui uma causa, logo ,como causa do tempo e do espaço ,logo (again) esse ”Ser ” deve ser eterno ,imaterial ,atemporal , e dono de um grande poder, extremamente sábio, extremamente inteligente e independente , o que podemos concluir que esse ser ”SIM” é uma SER pessoal meu caro .

        • André Silva

          8 de janeiro de 2016 em 12:49

          Chapolim é tipo o Diego, só que usuário.

21 Comentários
Topo